Sem categoria

A viagem de 15 horas de barco e um passatempo

20170212_210417.png

Antes de embarcar numa viagem de 15 horas de barco pelo rio Amazonas, fiz um pit stop numa banca de revista e deparei com uma publicação resumida das 10 maiores religiões do mundo. Foram 15 reais bem pagos, pois a literatura (65 páginas) me daria uma boa base sobre a história, cronologia e doutrinas das religiões que mais agregam adeptos no planeta. E, claro, o tempo passaria mais rápido, pois a viagem seria longa.

O primeiro capítulo do livro fala sobre o Cristianismo e seus 2,2 bilhões de seguidores. O Islamismo vem em seguida com seus espantosos (?) 1,6 bilhões de adeptos.

O Hinduísmo praticado no Nepal e 80 % da China agrega 900 milhões de seres humanos.

A religião Taoísta agrega chineses da parte oriental do país e junto com o Budismo agrega 400 milhões de almas.

O espiritismo e sua doutrina arrebatam 13 milhões de seguidores mundo afora.

O Judaísmo e sua crença  possuem de 16 a 18 milhões de adeptos.

Voltando ao Budismo, entendi que esta é a principal doutrina em muitos países do sudeste asiático, como Tailândia e Camboja. Já pelo Japão, esta doutrina simboliza a segunda maior religião. Ao todo são 380 milhões de seguidores.

Com tantas religiões e doutrinas tentarei fazer um breve resumo das diferenças entre três delas: o Cristianismo, o Judaísmo e o Islamismo.

Quais seriam as diferenças, portanto da Bíblia, o Tamulde(Torá) e o Alcorão?

A Torá são os 5 primeiros livros da bíblia, todos escritos por Moisés. Fundamenta o Judaísmo e todas as leis da sociedade judaica. Os judeus também aceitam os outros livros do Antigo Testamento e ainda esperam a vinda do Messias prometido através dos profetas. Negam que Jesus foi esse Messias.

O Alcorão é o livro escrito por Maomé, segundo o Islã, o “último profeta”. O Islamismo tem também como livros sagrados a Torá (revelado a Moisés), os Salmos (revelado a Davi) e o evangelho de Jesus (eles consideram Jesus como um profeta e que “preparou” a humanidade para a vinda de Maomé). Para o Islã, existem 3 livros sagrados, o Alcorão, a “Bíblia” e um terceiro livro perdido pelos homens. Enfim…

Tenho uma irmã que sempre diz uma frase que aprecio: a igreja está dentro de cada um de nós. “Nós somos nossa própria igreja”.
E ela tem razão. Pois quem é da luz não mostra sua religiao e sim o seu amor pela vida, pelo próximo e pelo mundo que vive.
***
Que a paz esteja convosco !
Assalamu Alaikum !
Shalom Alechem !