Ação no Ministério Público do Estado

Deputado Sidney Leite cobra sepultamentos com dignidade em Manaus

O Deputado Federal Sidney Leite (PSD) entrou com uma ação no Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE/AM), cobrando que a Prefeitura de Manaus realize sepultamentos com dignidade para as pessoas vítimas de covid-19.

Segundo o ofício é preciso que o MPE tome providências urgentes, sobre os sepultamentos em valas coletivas, em camadas, que vem sido

realizadas nos cemitérios públicos de Manaus e cuja justificação dada pela prefeitura

se dá pela ausência de espaço físico para enterros de forma individual.

“É desumano o que está sendo feito pela prefeitura nos enterros. Os corpos estão sendo lançados em valas comuns, sem um pingo de dignidade, e a prefeitura não o faz por falta de vontade e por isso é preciso que o Ministério Público tome as providências cabíveis”, enfatizou Sidney Leite.

Segundo o documento a prefeitura dispõe de outras ferramentas cabíveis e indiscutivelmente mais adequadas para sanar a superlotação dos cemitérios neste período.

Para o parlamentar é inadmissível que a Prefeitura de Manaus gaste mais de R$ 80 milhões por ano em publicidade, quando poderia investir esse dinheiro na compra de terrenos para construção de novos cemitérios, já que os existentes na capital estão com superlotação.

É destacado no ofício as imagens veiculadas em todo o mundo dos sepultamentos realizados de forma desumana, em valas comuns, o que chocou a todos.

O deputado ainda cobra na ação providencias quanto a falta do uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) pelos profissionais dos cemitérios públicos.

De acordo com o deputado, os EPI’s estão sendo destinados apenas aos profissionais de saúde, enquanto outros trabalhadores, que atuam em outras áreas, como nos cemitérios correm risco.