Municípios

Espaço para reabilitação de dependentes químicos é inaugurado em Maués

_A Fazenda da Esperança é um sonho realizado, afirma o deputado federal Sidney Leite (PSD-AM)_

Na manhã desta sexta-feira (24), foi inaugurada, no município de Maués (distante 268km em linha reta de Manaus) a Fazenda Da Esperança Nossa Senhora da Piedade, uma comunidade terapêutica que trata e ressocializa dependentes químicos.

A convite de Junior Leite (PSC-AM), prefeito de Maués, o deputado federal Sidney Leite marcou presença na solenidade.

“Quando fui prefeito de Maués,ouvi muitas mães pedindo ajuda para seus filhos que padeciam nas drogas. A Fazenda é um espaço imprescindível para a recuperação desses jovens. O tripé família, trabalho e espiritualidade pode e salva vidas. Fico muito feliz em ver esse espaço de pé.” salientou Sidney.

A Fazenda da Esperança conta com um espaço de 35 hectares, e hoje conta com 30 acolhidos, enquanto outros 21 estão na fila de espera. Presente em 15 países, entre o ocidente e o oriente, a comunidade terapêutica é referência em recuperação.

Maués é o primeiro município do interior do Amazoas a contar com uma unidade em suas dependências. Por ser um projeto social, necessita de trabalho voluntário para seu funcionamento. Junior Leite garantiu um trator para os acolhidos, que poderão cultivar seus próprios alimentos em 5 hectares de terra, o que ajudará na autossuficiência da iniciativa.

Nas margens do rio Maués Miri, a fazenda é sonho antigo do município. A primeira tentativa de implantação aconteceu em 1997, através do Frei Hans Stapel (fundador do projeto), conta o bispo Dom Mário Pasqualotto, presidente da Fazenda Esperança no AM.

“Mais de 70% da violência do nosso estado e do nosso país é oriunda das drogas. Esse número alarmante faz com que espaços como esse sejam ainda mais importantes. Espero que daqui um curto espaço de tempo a gente possa saber de boas histórias de recuperação vindas daqui.” finalizou Sidney Leite.

+++++++

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.