Sem categoria

O Trovão de Barcelos. Fábio Lucena (parte 2) VÍDEO

20160624_130546.jpg

A população chorou, os políticos e correligionários, tanto da situação quanto da oposição, lamentaram. Afinal, foi uma morte trágica e prematura de um dos maiores líderes políticos da história do Amazonas. Fábio partiu e deixou muitas saudades. Seu exemplo de combatividade, luta, de coragem, de inteligência marcaram indelevelmente as páginas da história política do Amazonas e do Brasil. Certamente toda sua trajetória de luta foram – e serão –  assimiladas ainda por muitas gerações.

***

Na foto abaixo Fábio Lucena toma posse para seu segundo mandato como senador da república.

Em 13 de setembro de 1974 numa carolenta tarde de sexta-feira, o Bar Caldeira recebia o poeta Vinicius de Morais. Fábio Lucena estava logo atrás ainda de gravata.

Fábio discursando na época em que era vereador em Manaus;

Fábio Lucena Filho falou sobre a morte do pai à época. Fabinho, como era conhecido, morreu muito jovem aos 41 anos em Agosto de 2010.

 

Fábio Lucena com Gilberto Mestrinho e Carlos Alberto De Carli numa solenidade. Fábio e De Carli eram desafetos de longa data.

 

ERA 1987.

Marcelo Guerra / Jornalista MTB 492/AM – MBA Administração Pública
E mail: marceloguerra1@hotmail.com