Municípios

Prefeito de Alvarães autoriza pagamento de reajuste de 33,24% do piso dos professores municipais

A Lei foi aprovada por unanimidade e em consonância com a portaria do Governo Federal que propõe o aumento do piso salarial de 33,24%. O valor do piso passará para R$ 3.845,63

Em consonância com o poder executivo, a Câmara Municipal de Alvarães, distante 531 quilômetros de Manaus, em sessão extraordinária ocorrida na última sexta-feira,20, aprovou o reajuste do piso salarial dos professores da rede municipal de ensino.

De acordo com o prefeito Lucenildo Macêdo, o aumento é a garantia da responsabilidade financeira da gestão municipal para com o funcionalismo público. “É uma enorme satisfação cumprir essa determinação e honrar nossos compromissos com os professores e todos profissionais da área da educação. O que for de direito deles tenho a convicção que farei de tudo para lhes repassar, é um direito deles, e quero aqui agradecer a câmara de vereadores, toda minha equipe e principalmente minha Vice Claudecy Frazão que tem sido uma mulher guerreira junto ao meu lado, podem vim as críticas, o que importa é que minha consciência está tranquila, cada dia que passa estamos reconstruindo nossa cidade”, ressaltou Lucenildo.

O novo piso salarial beneficiará centenas de profissionais da área. Após a sanção do prefeito e a lei em vigor, o reajuste deverá ser aplicado a toda a tabela de vencimentos do magistério, preservando-se os intervalos uniformes entre as classes e os níveis.

Os professores no desempenho normal das funções de seu respectivo cargo, receberão vencimento mínimo no valor estabelecido pelo piso nacional, carga horária semana 20 horas valor 1.922,81 e 40 horas no valor de 3.845,62. Os vencimentos dos profissionais do magistério efetivo serão conforme o nível de escolaridade, e também receberão o pagamento de forma retroativa desde 1º de janeiro de 2022, podendo chegar a 3.850 com carga horária de 20 horas e 5.550 com carga horária de 40 horas.

Para o Presidente da Câmara de Vereadores, Raimundo Queiroz, a aprovação é motivo de orgulho, “hoje é um dia de gratidão. É um dia de orgulho e reconhecimento ao imprescindível trabalho e dedicação do professores do nosso município”, revelou.

Segundo o vereador, é obrigação da câmara de vereadores reconhecer o mérito do aumento, bem como o respeito aos professores. “Agradeço ao prefeito Lucenildo pela confiança depositada nesta casa em especial meus nobres colegas vereadores, que contribuíram bastante para esse reajuste salarial dos funcionários da área da educação”, destacou o presidente do parlamento municipal.

Participaram do evento a vice prefeita Claudecy Frazão, o secretário municipal de educação Rufino Neto, o vereador Valdinei, vereadora Mônica, vereador Algemiro, vereador Ademir, vereador Orlandinho, vereador Maurício, vereador Getúlio, presidente do SINDSERV Heliomar, presidente do SINTEAM Genilson, além de gestores, professores e pedagogos.

+++++++

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.