População agradece

Prefeitura de Presidente Figueiredo realiza sanitização de ambientes no combate ao COVID-19

Buscando eliminar e impedir a proliferação de vírus, bactérias, fungos e ácaros, a sanitização de ambientes como estratégia de combate ao coronavírus (COVID-19) ganhou repercussão mundial por ter sido usada eficazmente no combate ao coronavírus em todo o mundo

Esse procedimento se baseia na limpeza, aplicação de produto e nebulização em estofados, paredes, pisos, portas e qualquer outro elemento que tenha contato com o ambiente externo, criando uma película que elimina os microrganismos nocivos presentes no ambiente. O produto aplicado não é prejudicial aos seres humanos, animais ou ao meio ambiente, além de não deixar manchas nem odores.

Fundamentado nas recomendações do Ministério da Saúde, a Prefeitura de Presidente Figueiredo, distante 106 quilômetros de Manaus, está realizando a sanitização em veículos e prédios dos órgãos municipais, tais como o Centro Administrativo, Hospital Municipal e Unidades Básicas de Saúde.

O serviço de sanitização de ambientes é altamente eficaz no combate ao coronavírus e foi pensando nisso que a prefeitura contratou empresa especializada no assunto.

De acordo com a secretária municipal de saúde Mariane Abreu, “há outras doenças que podem causar problemas semelhantes para o organismo humano. Alergias e doenças respiratórias, como o coronavírus, podem ser combatidos com sanitização de ambientes. O trabalho também contribui para a eliminação do mofo ou qualquer bactérias capaz de deteriorar os materiais”, afirmou.

A ação de sanitização elimina 99.99% dos fungos, bactérias, e vírus nocivos aos seres humanos, além de ajudar a prevenir e amenizar os sintomas de doenças respiratórias deixando o ambiente com um ar mais puro e leve, promovendo a sensação de leveza e bem-estar. Com a eliminação de microorganismos, a ação ajuda a proteger e evitar a contaminação dos alimentos garantindo a saúde e higiene do ambiente tratado ocasionando a redução da presença de micro-organismos nocivos que provocam doenças e outros transtornos.

A ação de sanitização deve continuar e alcançará escolas, clubes sociais municipais, igrejas, mercados e outro locais de grande participação e locomoção popular.

+++++++

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.