Congressos Nacional

Sidney Leite defende investimentos em aeroportos no interior do Amazonas

Parlamentar é secretário-geral da Frente Parlamentar da Aviação Civil na Câmara dos Deputados

Secretário-Geral da Frente Parlamentar da Aviação Civil, da Câmara dos Deputados, o deputado federal Sidney Leite (PSD) defende amplo investimento na aviação regional da Amazônia, que possui um déficit muito grande em pistas de pousos e decolagens, representando prejuízos e atrasos no desenvolvimento de cidades do interior do Amazonas, por exemplo.

No primeiro semestre deste ano, o tema foi pauta de audiência pública na Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e Amazônia (Cindra), em que foi discutido o modelo da aviação praticada no país e suas peculiaridades regionais.

Conforme o Ministério da Infraestrutura, há em curso obras de expansão, revitalização e recuperação de pistas de pouso em vários municípios amazonenses, com investimentos da ordem de R$ 187,8 milhões e com prazo de entrega das obras entre 2019 a 2026.

Os aeroportos e pistas de pouso e decolagens que estão recebendo melhorias e com projetos de investimentos por parte do ministério estão em Barcelos, Lábrea, Iauaretê, Estirão do Equador, Coari, Carauari, Parintins, Boca do Acre e Maraã.

Segundo informação do Ministério da Infraestrutura, o aeroporto de Moura, em Barcelos, já está concluído, mas o de Iauaretê está com obras paralisadas.

Investimentos nas obras dos aeroportos

Moura (Barcelos) – R$ 7,5 milhões – recapeamento finalização da lateral restante na pista de pouso e decolagem. Obra concluída;

Lábrea – R$ 8,4 milhões – Ensaios e projeto de recuperação de pavimento e construção de TPS (Terminal de Passageiros) e SESCINC (Serviço de Prevenção e Combate a Incêndio em Aeródromos);

Iauaretê – R$ 6,7 milhões – Conclusão das obras de ampliação da pista de pouso e decolagem. Obra paralisada;

Estirão do Equador – R$ 11,6 milhões – Conclusão das obras de ampliação de pista e pouso de decolagem;

Coari – R$ 8,6 milhões – Ensaios e projeto de recuperação de pavimento e construção de Terminal de Passageiros e SESCINC;

Carauari – 6 milhões – Projetos e ensaios geotécnicos, recuperação dos pavimentos, sinalização, cerca operacional, ajuste de faixas de pista e áreas de segurança e serviços complementares;

Parintins – R$ 11.5 milhões – Reforma e ampliação do Terminal de Passageiros, regularização das faixas de pista, recuperação de pavimentos e serviços complementares;

Boca do Acre – R$ 59,7 milhões – Recuperação de pavimentos, reforma e ampliação do Terminal de Passageiros e serviços complementares;

Maraã – R$ 75 milhões – Construção do Aeroporto Regional de Maraã.

*Fonte – Ministério da Infraestrutura

+++++++++++++++++++++++

Assessoria de imprensa: Valéria Costa
Foto: PSD/Câmara dos Deputados