Sem categoria

SUFRAMA estuda criação de plano diretor para Distrito Agropecuário

Rio Preto da Eva 1.JPG

O superintendente da Zona Franca de Manaus, Appio Tolentino, acompanhado do coordenador-geral de Análise e Acompanhamento de Projetos Agropecuários da SUFRAMA, Orisvaldo Neves, e do vice-presidente da Federação das Indústrias do Amazonas (FIEAM) e conselheiro da autarquia, Nelson Azevedo, visitou, no último domingo (9), o município de Rio Preto da Eva (AM), localizado a 78 quilômetros de Manaus. A comitiva foi recebida pelo prefeito da cidade, Anderson Souza, e pelo vice-prefeito, Neto do Baixo Rio. O município abriga 63% do território do Distrito Agropecuário da Suframa (DAS).

Durante a visita, Tolentino anunciou que será criado um grupo de trabalho interinstitucional, com o objetivo de construir um plano diretor para o DAS. “Queremos implementar um plano piloto de um polo de agronegócios no município de Rio Preto da Eva, com capacidade de produzir alimentos para abastecer o mercado manauara, oportunizando uma nova matriz econômica de agronegócios no Estado”, afirmou o superintendente, acrescentando que, futuramente, essa iniciativa de criação de polos de agronegócios deverá ser estendida aos demais estados da área de atuação da SUFRAMA (Acre, Roraima, Rondônia e Amapá).

PRODUÇÃO DE LARANJA

Na oportunidade, o superintendente conheceu o cultivo de citrus da Fazenda Progresso, localizada no Ramal do Procópio, no quilômetro 110 da rodovia AM-010, no Distrito Agropecuário. Uma das maiores produtoras de laranja do Amazonas, a Fazenda abastece a merenda escolar da rede pública estadual de ensino, para a qual serão entregues mais de 250 mil laranjas, só nesta semana.
De acordo com a administradora da propriedade, Elizabeth Gomes, a plantação conta com mais de 25 mil pés de laranja e tangerina. Com isso, a capacidade produtiva é de mais de cinco milhões de frutas por ano.